Elevação à Património Histórico-Cultural Nacional

Dedicada há 12 de Abril de 1964, em homenagem ao jubileu Episcopal do então Arcebispo Dom Moisés Alves de Pinho, primeiro Arcebispo Metropolita de Luanda, a Igreja da Sagrada Família foi por Decreto executivo nº 52/23 de 28 de Abril, classificada como Património Histórico-Cultural Nacional.
Nesse sentido, tal como afirma o art. 2º do referido Decreto competirá as entidades da Administração Local do Estado a efectiva protecção e valorização do referido património e da sua zona adjacente.
A Igreja ora classificada, situada no bairro Maculusso-Distrito Urbano da Ingombota-Luanda, foi visitada pelo Papa São João Paulo II por ocasião da sua estadia em Angola em 1992.
Vale lembrar que comunidade paroquial é pastoralmente assistida pelos missionários Redentoristas.